Stoa :: Ewout ter Haar :: Blog :: Meios de Comunicação Federados: quem determina o que se pode dizer?

agosto 26, 2008

default user icon
Postado por Ewout ter Haar

Na aula de hoje investigamos como fazer o cadastro de um domínio na Internet e como ligar o domínio a um serviço de hospedagem. Mas a lição vai além dos detalhes técnicos de servidores Web e o sistema DNS.  A questão é: quem  determina o que você pode e não pode falar.

Acho que pode distinguir razoavelmente três camadas que governam as restrições de comunicação. As leis do país proíbem calúnia e outros crimes. Instituições como editoras de jornais, donos de rede de televisão, reitores de universidades, etc. tem grande poder sobre o que os seus empregados falam usando a infra-estrutura deles. E por fim tem as regras sociais de boa educação que impedem xingar o outro. 

O fato que podemos comprar (na verdade alugar) e  controlar o nosso próprio domínio é significativo na camada intermediária de instituições. Acesso ao serviço stoa.usp.br ou ao espaço web no servidor socrates.if.usp.br ainda implica, em princípio, a submissão às regras da USP e o Instituto da Física respectivamente. Tendo o seu próprio domínio é você que determina o conteúdo "a baixo do"  seu domínio. 

[Atualizado 28/8: na aula do noturno um aluno levou a questão de pedofelia e outros cirmes na rede, Bem lembrado: a internet tem grandes efeitos na camada de legislação também. O sociedade vai ter que lidar com avanços tecnologicas e adequar as Leis do pais às novas realidades. A polícia também tem que se adaptar às novas maneiras de infringir a Lei. Mas para os fins desta aula me concentrei na camada institucional, onde escolas e universidades se encontram]

É um exemplo de como escolhas tecnológicas influenciam diretamente nas estruturas da sociedade. O sistema DNS e os serviços feito em cima deste como email e a Web tem uma arquitetura distribuida e federada, em que a rede é organizado em forma de "servidores" com clientes. Os clientes são subordinados aos servidores que se comunicam entre si. Não tem controle centralizado sobre quem pode criar um servidor. Este é a organização de email, a Web e Mensagens Instantâneas (pelo menos os sistemas que falam XMPP). Creio que vai ser a arquitetura de redes sociais também. É uma maneira de organização intermediária entre estruturas hierárquicas e centralizados por um lado e estruturas completamente distribuidas como redes "peer to peer".

Na aula do diurno sorteiamos, das cinco propostas, experimentosdefisica.com.br para cadastrar. Ligamos o domínio a um serviço de hospedagem grátis (sugestão de Henrique). Agora precisamos decidir que serviços e informação disponibilizar lá...

Atualizado 28/8: No noturno uma sugestão era fisicaparatodos.com.br, mas este domínio já está registrado (por uma editora, aparentemente). Aí, surgiu a idéia de registrar fisicaforro.com.br, mas na última hora turma mudou de idéia e preferiu ensinodefisica.com.br. Liguei este domínio também ao serviço de hospedagem 000webhost.com: agora temos páginas "default" (veja http://ensinodefisica.com e http://experimentosdefisica.com.br) lá e precisamos colocar alguma coisa. 

Palavras-chave: arquitetura federada, DNS, fap0459, meios de comunicação, web

Postado por Ewout ter Haar | 1 usuário votou. 1 voto

Você deve entrar no sistema para escrever um comentário.

Termo de Responsabilidade

Todo o conteúdo desta página é de inteira responsabilidade do usuário. O Stoa, assim como a Universidade de São Paulo, não necessariamente corroboram as opiniões aqui contidas.