Stoa :: Ciência e Cultura (Licenciatura do IFUSP) :: Blog :: Poema - Sonho

dezembro 12, 2011

default user icon

OLá,

Posto aqui o poema que li no Sarau:

 

Sonho

 

Tenso feito um lenço denso

Penso, aceito o leito feito

Deito esquecendo todo o senso

Morro eleito o mais lento

 

Dentro é vago, escuro e só

Vendo o saco onde está Ló

Reflito e sinto: viemos do pó

Ah! Minto. Aí é onde está o nó

 

 

Palavras-chave: Sarau

Postado por Helton Carlos Martinez em Ciência e Cultura (Licenciatura do IFUSP)

Comentários

  1. BADI escreveu:

    surpreendente como deve ser a poesia

    BADIBADI ‒ segunda, 12 dezembro 2011, 13:17 BRST # Link |

Você deve entrar no sistema para escrever um comentário.

Termo de Responsabilidade

Todo o conteúdo desta página é de inteira responsabilidade do usuário. O Stoa, assim como a Universidade de São Paulo, não necessariamente corroboram as opiniões aqui contidas.