Minha Nuvem de Tags

 

                

Estatísticas da Página

 

Minha página no Mixpod

 

Minha página no 4Shared

 

Btn_brn_122x44

Minha página no Scribd

 

 

Stoa :: Priscila Frohmut Fonseca :: Blog :: Histórico

Março 2008

Março 04, 2008

default user icon

Imagino que aqueles que são vegetarianos e/ou ativistas que defendem os Direitos dos Animais devem já devem estar informados sobre esse evento ou ao menos ouviram falar a respeito. Como vi cartazes de divulgação na faculdade, achei que não faria mal algum divulgar um evento que acho que provavelmente seria interessante pra muitas pessoas.

O grupo VEDDAS está organizando esse ano o 1º Encontro Nacional de Direitos Animais, que vai ocorrer entre os dias 1 e 4 de maio desse ano na cidade de Porangaba, no interior de São Paulo. Pra aqueles que precisam ter uma noção melhor, fica não muito longe da cidade de Conchas - quem quiser, pode conferir pelo Google Maps ou algum outro guia de mapas e verificar com fazer pra chegar até lá. Deixo abaixo um pequeno texto que peguei no site e os contatos para obter mais informações sobre o VEDDAS e o evento.

 

A previsão de inscrições para o Encontro Nacional de Direitos Animais é de no mínimo 150 pessoas, sendo o espaço limitado a 200 participantes.

Para quem é o Encontro Nacional de Direitos Animais?

O ENDA foi feito para integrar e capacitar ativistas e interessados pela causa animal. Desde a definição da grade de programação até a escolha do ambiente onde o evento será realizado, a organização teve em mente desde aqueles que exercem um papel de liderança em um grupo local, até aqueles que simplesmente colaboram com estes grupos, desde o ativista recém-chegado ao movimento e que deseja aprender mais sobre as formas de atuação, até o curioso que deseja descobrir se a causa pela libertação animal é algo pelo que ele deseja lutar.

Se você tem um interesse latente ou expresso pela defesa animal, ou se você já tem claro e seguro o caminho que está trilhando nesse sentido,o ENDA é para você! É para quem quer saber mais sobre os temas pertinentes e para quem já sabe muito mas deseja conhecer as pessoas que integram este movimento. É para quem já faz o suficiente sozinho e para quem acha que só teremos de fato um movimento a partir do momento em que passarmos a conviver todos juntos, aprendendo com as nossas diferenças e aumentando a nossa capacidade de atuação através da formação de redes.

Se você sempre desejou aprender mais sobre os aspectos relacionadas aos direitos animais ou sempre quis encontrar com pessoas que pensam como você, este é o lugar e esta é a oportunidade!

Ademais, a sua participação irá contribuir não apenas para a sua formação, mas também outras pessoas certamente encontrarão na sua participação um motivo que engrandecerá a participação delas. Um movimento é formado por grupos, que por sua vez são formados por pessoas. Sobretudo, um movimento é formado pelo relacionamento que existe entre esses grupo e pessoas e o objetivo do ENDA é criar a circunstância para que redes sejam formadas e possam a atuar.

 

Pra quem quiser obter mais informações e entrar em contato:

VEDDAS – Vegetarianismo Ético, Defesa dos Direitos Animais e Sociedade
www.veddas.org.br
veddas@veddas.org.br
11 5585-3475

 

*********

Este post é Domínio Público.

Postado por Priscila Frohmut Fonseca | 1 usuário votou. 1 voto | 0 comentário

Março 10, 2008

default user icon

Não faço a menor idéia de quantas pessoas gostam de Rock do estilo Metal melódico, nem tenho muita certeza se mais alguém no Stoa curte o som de Angra, mas considerando que o que vale é o conjunto música + montagem do vídeo e eu queria mais um vídeo do Final Fantasy X... aí vai.

Bleeding Heart - Angra (FFX e FFX-2)

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=0YBjA9Yk9yM

 

**** 

Palavras-chave: Angra, Bleeding, FF, FFX, Final Fantasy, Final Fantasy X, Heart, metal, rock, video, videos, youtube

Este post é Domínio Público.

Postado por Priscila Frohmut Fonseca | 7 comentários

Março 12, 2008

default user icon

Imagino que talvez o título da postagem soe meio negativo, algo não muito agradável, mas não sei se seria pior do que usar o termo "malabarismo" - termo que, na minha opinião, seria um exagero no caso de uma coisa tão simples, que com certeza muitas pessoas que usam internet com uma freqüência razoável e aqueles que têm o computador como principal instrumento de trabalho já devem saber.

Apenas um aviso prévio: a explicação que vou postar aqui serve no caso de você estar navegando pelo browser Firefox... se você estiver usando algum outro browser, não garanto que o procedimento para executar esse procedimento seja exatamente o mesmo que vou descrever, ainda que seja parecido. Se alguém achar que é complicado e tiver condições de explicar melhor - ou souber de um método mais fácil - eu gostaria muito de receber comentários que me ajudassem a adaptar e melhorar a postagem nesse sentido.

*************

Em uma página qualquer, seja postagem de blog, comentário de blog, embedagem em meio a uma página de internet de qualquer gênero que tenha um ou mais vídeos do Youtube, às vezes acontece devocê encontrar um vídeo muito interessante que você quer usar em outro lugar, compartilhar, ou apenas ver ele diretamente no site. Acontece que na maioria das vezes não é possível visualizar o URL - endereço da página onde se encontra o vídeo no site do Youtube - a não ser que alguém tenha pensado em facilitar deixando um link ou o próprio URL disponível e visível próximo ao vídeo.

Nem por isso é impossível encontrar o bendito vídeo desejado no Youtube... e não, não precisa procurar pelo sistema de busca no site, isso pode ser bem mais do que perda de tempo se você não tiver a sorte de digitar as palavras certas na busca! Em primeiro lugar, se certifique que está navegando com o browser Firefox - faça o favor de não insistir com o Interent Explorer, corre pra fechar esse treco e abre o Firefox! Se você não tem Firefox, ou você está usando um outro navegador em que você provavelmente já deve saber as "correspodências" de comandos de teclado... ou você está em atraso, precisando com urgência instalar uma alternativa ao Explorer no computador... só não cisme de instalar coisas em computador de lan-house, por favor!

Se você já verificou as condições do computador que você está sentado, vamos então à explicação - é fácil e rapidinho, juro que é!

1o Quando estiver navegando na internet, na página onde se encontra o vídeo aperte a combinação Ctrl+U (mais conhecida como "visualizar código-fonte" ou coisa parecida) e maximize a janela pra facilitar. Pra ter o vídeo, você vai precisar localizá-lo me meio ao código-fonte da página.

2o Com a janela de código fonte aberta, aperte a tecla F3. Na parte inferior da página vai surgir uma "barra de busca", onde está escrito " Localizar " ao lado de uma caixa de busca em branco.

3o Nessa caixa de busca, digite a palavra "youtube" - ou se preferir, qualquer palavra presente na página que estiver bem próxima do vídeo que você está visando - e navegue utilizando os botões "próxima" e "anterior" até ter certeza de que encontrou o vídeo. Pra facilitar a visualização, você pode clicar em "realçar" para deixar em destaque - mais ou menos do jeito que o Google faz no texto das páginas que encontra - o termo que você encontrou.

(...)

... pra essa postagem não ficar muito longa, vou continuar escrevendo na próxima postagem.

****

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição, Não-Comercial.

Postado por Priscila Frohmut Fonseca | 1 usuário votou. 1 voto | 0 comentário

default user icon

... continuando a explicação da postagem anterior, sobre a "maracutaia" com vídeo Youtube

*********

Considerando que você já provavelmente deve ter localizado o vídeo me meio a código-fonte da página, vamos então continuar a explicação de onde parei no 3o ponto. Se não encontrou ainda, por favor não se apavore, retorne à explicação na postagem e vá com calma. Pode ser que alguém aqui saiba explicar esse processo bem melhor do que eu, ou até conheça um método bem mais simples que esse, mas por enquanto estou explicando sozinha do melhor jeito que eu posso. Quem puder colaborar pra melhorar a explicação ou recomendar um método alternativo, eu agradeceria muito a ajuda.

4o Localizando o URL do vídeo em meio ao código-fonte, por favor, PRESTE ATENÇÃO. Copie o URL, mas NÃO COLE esse mesmo URL na barra de endereço do browser (seu navegador, no caso que eu descrevi seria Firefox) DO JEITO QUE ESTÁ! Esse endereço que você localizou é do vídeo em formato "tela cheia", e talvez o computador engasgue ou trave enquanto tenta abrir o vídeo.

5o Já que a intenção seria localizar o vídeo no site do Youtube, você vai ter que fazer uma pequena alteração no URL para permitir que o vídeo apareça no site, não sendo em formato tela cheia. Fique tranquilo, ainda que você esteja tentando aprender a mexer com isso tudo que falei,é mais fácil do que parece.

o O URL que você localizar no item 3o vai ter o seguinte formato:

"http://youtube.com/v/[e mais alguma coisa qualquer]"

esse é o formato tela-cheia do vídeo que faz parte do código de embed do vídeo como está no site

o Onde você localiza /v/ substitua isso por watch?v= pra ficar desse jeito

http://www.youtube.com/watch?v=[e mais alguma coisa qualquer]

o Depois disso, você vai copiar esse endereço e colar ele no navegador... e eis que aparece o vídeo!

Exemplo:

o URL http://www.youtube.com/v/vWghmAoM4QE&hl=pt-br

com essa alteração se torna descrita acima http://www.youtube.com/watch?v=vWghmAoM4QE&hl=pt-br

e esse URL é a localização original do vídeo no Youtube.

...

Encerro aqui a explicação, afinal não sei mais o que falar a respeito e já expliquei do jeito que eu faço.

Até mais!

*********

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição, Não-Comercial.

Postado por Priscila Frohmut Fonseca | 1 usuário votou. 1 voto | 0 comentário

Março 31, 2008

default user icon

Lição sobre a água

Este líquido é água.
Quando pura
é inodora, insípida e incolor.
Reduzida a vapor,
sob tensão e alta temperatura,
move os êmbolos das máquinas, que, por isso,
se denominam máquinas de vapor.

É um bom dissolvente.
Embora com excessões mas, de um modo geral,
dissolve tudo bem, os ácidos, bases e sais.
Congela a zero graus centesimais
e ferve a 100, quando a pressão normal.

Foi nesse líquido que numa noite cálida de Verão,
sob um luar gomoso e branco de camélia,
apareceu a boiar o cadáver de Ofélia
com um nenúfar na mão.

(António Gedeão)

Palavras-chave: água, Antonio, Ciências Exatas, Ciências Humanas, CNTP, dissolvente, Gedeão, Hamlet, lição, líquido, Literatura, Ofelia, Poesia, pressão, Química com Literatura, solvente, Textos, vapor

Este post é Domínio Público.

Postado por Priscila Frohmut Fonseca | 0 comentário