Stoa :: Alexandre Hannud Abdo :: Blog :: Histórico

Janeiro 2009

Janeiro 14, 2009

default user icon

Ni!

 Se você está esperando divagações sobre um cenário futuro de inovações inimagináveis, engana-se: o dia em que deixei de usar o Google foi hoje.

 Não que vez ou outra eu ainda não apelarei à velha e boa máquina de busca, mas já existe uma alternativa que, se ainda não mais eficiente, é certamente mais divertida, ética e tem potencial muito maior.

 Estou falando da Wikia Search, fundada por Jimmy Wales o mesmo sujeito que bolou a Wikipédia.

 Há inúmeras razões para preferir a Wikia Search: ela respeita a liberdade, a privacidade e a contribuição do usuário, desenvolvendo-se em código aberto, com transparência e sigilo das buscas executadas.

 http://search.wikia.com/about/about.html

 Constrói-se em torno de um conceito radicalmente diferente, de permitir a contribuição dos usuários para avaliar a qualidade dos resultados de cada busca e abrir os dados e os algoritmos para escrutínio e aperfeiçoamento público.

 Isso em oposição ao modelo Google, onde um algoritmo ultra-secreto é usado, servindo-se do trabalho de todos em criar hiperligações, para dar um significado mecânico ao mundo.

 Sim, dar um significado ao mundo. Pois é isso que cada vez mais esses integradores de informação fazem: definem a semântica das palavras. Para dar um exemplo dessa influência, considere o quanto o resultado no Google de uma busca afeta a opinião global a respeito do assunto.

 Queremos mesmo deixar às máquinas esse serviço? Estamos dispostos a entregar a mais básica das construções humanas, a significação da realidade, aos cuidados de um grande-irmão corporativo que trabalha no mais absoluto sigilo?

 Contudo, o problema prático da Wikia Search é que sua eficiência depende da participação, ou seja precisa de usuários. E assim ela passou por um período num padrão muito baixo, inutilizável. Ainda hoje, algumas buscas não são tão eficazes, mas a interface soluciona isso, facilitando ao máximo o acesso a outros mecanismos de busca!

 Então, experimente, e se a hora chegou para você, embarque em mais esta revolução pela liberdade do conhecimento e auto-gestão humana.

http://search.wikia.com/

 

 (Usuários do Firefox podem também adicioná-la à caixa de busca.)

 

 Abreijos,

abdo

~~

Palavras-chave: busca, google, produção social, semântica, wiki, wikia, wikia search

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição.

Postado por Alexandre Hannud Abdo | 6 usuários votaram. 6 votos | 4 comentários

Janeiro 18, 2009

default user icon
Ni!

 Para quem interessar assinar e divulgar, uma petição de caráter
pacifista, sem colocações partidárias, proposta por uma organização
bastante interessante, a AVAAZ, que objetiva maior democracia na
política internacional.

 Essa petição tem relevância particular pois os recursos desta
organização serão empregados para divulgá-la a realizar pressão efetiva.

http://www.avaaz.org/po/gaza_time_for_peace/

 Abreijos,

abdo
~~

Palavras-chave: gaza, paz, petição

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição.

Postado por Alexandre Hannud Abdo | 7 usuários votaram. 7 votos | 11 comentários

Janeiro 22, 2009

default user icon

Ni!

 Este ano estive na Campus Party como voluntário do "WikiBrasil: Mutirões de Conhecimentos Livres", o não-Capítulo Brasileiro da Wikimedia Foundation.

 Atualizei este post à medida que novidades surgiam, por isso a data anacrônica! Interessados podem ver também o relato do pessoal na Metawiki.

 O que rolou...

 Segunda-feira: descobrimos como chegar e entrar no evento, conhecemos suas engrenagens e agendamos nossa palestra e oficinas.

 Terça-feira: apresentamos palestra na área de Software Livre, onde conheci o Fabrício, um antropólogo da UFRGS, que gravou comigo um papo-entrevista sobre produção social. Participamos de um debate sobre liberdade do conhecimento e cultura na IPTV Cultura, abrindo a transmissão do Jimmy Wales no Roda Viva.

 Quarta-feira: participamos editando ao vivo na Plataforma Wikimedia durante debate com Rappin'Hood, e estivemos presentes na conversa com Milton Jung da Rádio CBN sobre o Adote um Vereador.

  Quinta-feira: de manhã, oficina no Batismo Digital; à tarde, bate papo na IPTV Cultura seguido de edição ao vivo do artigo sobre Piraí Digital, durante entrevista com Frank Coelho; à noite, reunião com o projeto Teia MG.

  Sexta-feira: dia informal, de reflexão e conversas entre nós.

  Sábado: bate-papo sobre os Projetos Wikimedia no Bar Camp.

  Domingo: coleta de imagens da Campus Party para o Commons.

 

~Ni!~

Palavras-chave: 2009, campuspartybr, wikibrasil

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição.

Postado por Alexandre Hannud Abdo | 2 usuários votaram. 2 votos | 0 comentário