Stoa :: Alexandre Hannud Abdo :: Blog :: Urgente: Senador Azererdo castelando projeto contra a liberdade na internet!!!

março 18, 2009

default user icon

Ni!

Notícia do blog do papai serginho:

http://samadeu.blogspot.com/2009/03/alerta-geral-senador-azeredo-au

É pra valer galera, essa lei é O CÃO VOMITANDO MANGA!

Bloguem, microbloguem, e mandem seus protestos para os deputados em

http://www2.camara.gov.br/canalinteracao/faledeputado

Segue abaixo mensagem que enviei a todos os deputados do estado de SP:

Prezado deputado,

É de extrema urgência e importância para o desenvolvimento social e econômico da nação que o projeto substitutivo do Sen. Azeredo, vulgo projeto sobre "cibercrimes", seja recusado pela câmara dos deputados.

Num momento de crise em que todo o planeta se debruça sobre as tecnologias digitais como forma de buscar sustentabilidade, eficiência e enriquecer a democracia restaurando o equilíbrio de poder e as liberdades individuais, num momento em que portas abrem-se para o Brasil tomar um posto de liderança mundial na geração de consenso e conhecimento entre as culturas do planeta, esse projeto terá como consequência direta atrasar em décadas esse potencial.

Se aprovado tal projeto, estaremos novamente colocando o país no caminho errado, pelos motivos errados, como em tantos outros momentos em que, neste país, destituíu-se o cidadão dos seus direitos básicos.

Digo isso com base em anos de estudos sobre difusão de informação em redes, para doutorado que estou finalizando no Instituto de Física da USP em parceria com o Instituto de Políticas Públicas da Columbia University em NY.

Nesse sentido, meu trabalho apenas integra o consenso científico - advindo de uma frutífica colaboração entre as ciências sociais e as exatas - de que que garantir a geração de bem estar humano na sociedade moderna significa repudiar precismente o tipo de regulamentação que esse projeto propõe.

Estando à disposição para maiores esclarecimentos, o saúdo,

Alexandre Hannud Abdo, cidadão paulista que não quer ver parar a locomotiva do conhecimento. Ni!

 

Não se reprimam, mandem as suas também!

Divulguem, e acima de tudo AJAM!

Ajude a propagar também a petição online para assinar aqui.

Isso é prioridade máxima se você considera a internet um importante meio de democratização.

Abreijos,

abdo

~~

Palavras-chave: azeredo, corrupção, internet, liberdade, projetos de lei

Esta mensagem está sob a licença CreativeCommons Atribuição.

Postado por Alexandre Hannud Abdo | 6 usuários votaram. 6 votos

Comentários

  1. Priscila escreveu:

    Eu achei estranho isso sair de novo na rede... que eu me lembre, já faz algum tempo que isso tinha sido discutido no Centro de Mídia Independente e tinha rolado uma petição contra o projeto de Azeredo em outubro do ano passado (cheguei a postar isso em http://stoa.usp.br/briannaloch/weblog/8987.html)

    Aparentemente o projeto não foi aprovado antes... Como ele teve a cara-de-pau de reescrever o projeto?

    Não sei o que outras pessoas daqui acham disso, nas eu acho que esse tipo de coisa é realmente a cara dos colegas de partido de José Serra...

    Priscila Frohmut FonsecaPriscila ‒ quarta, 18 março 2009, 13:01 -03 # Link |

  2. Tom escreveu:

    Já divulguei essa mensagem em vários lugares. Vou divulgar mais. Pretendo mais tarde enviar um email e publicar no meu blog o texto.

    Esse link da SaferNet também  para se informar:

     http://www.safernet.org.br/twiki/bin/view/SaferNet/PLSEduardoAzere

    Esses 3 dos projetos de lei também

     http://www.senado.gov.br/sf/atividade/Materia/detalhes.asp?p_cod

     http://www.senado.gov.br/sf/atividade/Materia/detalhes.asp?p_cod

     http://www.senado.gov.br/sf/atividade/Materia/detalhes.asp?p_cod

    Temos que ficar de olho como é que a coisa está encaminhando lá por dentro do senado. Seria bom manter contato com algum político esclarecido que está contra o projeto de lei.

    default user iconTom ‒ quarta, 18 março 2009, 13:11 -03 # Link |

  3. Antonio Candido escreveu:

    Há tentativas no mundo todo de cercear a liberdade na rede. De uma fonte na Austrália:

    Rundle: there is no bigger issue than net censorship

    Sobre o que já estão fazendo com estas novas legislações: " these pages have been put on the blacklist, presumably as part of a worldwide compact, formal or otherwise, between national web censorship authorities."

    Sobre a prioridade de se combater estas legislações: " civil liberties and free speech campaigns have to take priority over any other, because they are the precondition of political activity"

    Antonio C. C. GuimarãesAntonio Candido ‒ quarta, 18 março 2009, 14:02 -03 # Link |

  4. Associação Abusando escreveu:

    Todos falam em liberdade na rede, mas sequer perceberam que TODOS os e-mails no Brasil estão grampeados. Todas as pessoas que te encaminharam e-mails nos últimos meses estão logados.

    A técnica é simples: ao encaminhar um e-mail ao Governador do seu Estado ou para o CyberCrimes o servidor do governo (ou provedor)  irá verificar se você é ou não é um spanner em um centro de anti-spam chamado TQMCube que juridicamente fica na Geórgia / USA. Na prática tudo acontece aqui no Brasil em um servidor espelho, que contém log de TODOS que mandaram e-mails no Brasil e ainda podem bloquear somente o seu por SPAM. Além do governo, TODOS os provedores no Brasil receberam o kit anti-spam do Comitê Gestor Internet do Brasil (CGI.br/NIC.br/CERT.br), portanto ninguém escapa do grampo nos e-mails brasileiros.
     
    Até TODAS as visitas web de TODOS no Brasil estão sendo grampeados e ainda podem bloquear somente ex. para os juízes alegando "site supostamente com vírus".

    Nos servidores da Justiça instalaram filtros que analisam o conteúdo do e-mail e bloqueiam alegando SPAM. Quem vai ser maluco a ponto de enviar centenas de e-mails vendendo produtos para a Justiça? E-mails contendo palavras como abusando.info são negados imediatamente pela Justiça.
     
    Ninguém escapa, nem governador, nem parlamentar, nem o governo, nem a Justiça e muito menos nós pobres internautas.

    Veja detalhes em www.abusando.info/denuncias/grampo.pdf

    Mas mude antes o seu DNS (veja em www.internetprotegida.org.br) para evitar que você seja o próximo a ser monitorado.

    Abusando
    www.abusando.info

    default user iconAssociação Abusando ‒ quinta, 26 março 2009, 23:09 -03 # Link |

  5. Antonio Candido escreveu:

    Parece que há quem queira uma legislação ainda mais abusiva contra as liberdades individuais que o texto original do  projeto substitutivo do Sen. Azeredo.

     

    "Ministério da Justiça propõe mais restrições na Internet"
     

    Se depender da vontade do governo, a lei de crimes da internet será muito mais restritiva do que gostariam os senadores. Na minuta do projeto, o Ministério da Justiça quer que os provedores de acesso mantenham por três anos todos os dados de tráfego de seus usuários. Ou seja: que hora se conectou à internet, em que sites entrou e quanto tempo ficou.

     http://www.observatoriodaimprensa.com.br/artigos.asp?cod=530ENO006

     

    Antonio C. C. GuimarãesAntonio Candido ‒ segunda, 30 março 2009, 12:47 -03 # Link |

Você deve entrar no sistema para escrever um comentário.

Termo de Responsabilidade

Todo o conteúdo desta página é de inteira responsabilidade do usuário. O Stoa, assim como a Universidade de São Paulo, não necessariamente corroboram as opiniões aqui contidas.